Notícias SE MEU CARRO FALASSE 11/12/2014

Ferrari 512 BBi: uma obra de arte vinda de Marenello

Imagem Artigo

Ferrari 512 BBi
Velozes e Antigos (2)
Vitor Lomeu, de Belo Horizonte.
Quando se fala em Ferrari, palavras como “exclusividade”, “esportividade” e “luxo” são praticamente sinônimas e a 512 BBi certamente não foge dessa regra. Ela pode ser definida, de uma maneira bem objetiva, como uma obra de arte com rodas e mais de 300 cavalos de potência!


Ferrari 512 BBi com placa preta
O nome 512 BBi tem um significado: as letras “BB” vem de Berlinetta Boxer e se referem a um cupê de dois lugares, em que no motor (boxer), chamado pelos engenheiros de Maranello de “V12 a 180°”, os cilindros se encontram opostos e na posição horizontal. Ela teve 1007 unidades produzidas de 1981 a 1984, sendo a sucessora direta da Ferrari 512 BB e a antecessora da Ferrari Testarossa.
Segundo o dono da 512 BBi de 1982 das fotos, existem somente 3 exemplares desse modelo no Brasil e tivemos a felicidade de flagrar dois deles aqui bem próximo de BH, em Nova Lima – cidade vizinha da capital mineira. De fato, essa cidade tem a fama de abrigar alguns super esportivos exóticos em todo o país, mas nesse caso, por que não no mundo?!

Ferrari 512 BBi 1982 exibindo o motor em um encontro de carros antigos
Ferrari 512 BBi 1982 exibindo o motor em um encontro de carros antigos.
Isso porque em 1982 foram fabricadas apenas 324 unidades da 512 BBi, o que a torna bem rara em qualquer lugar! No caso da outra 512 BBi (com interior caramelo), após analisar alguns dados, cheguei a conclusão de que ela é de 1981. Nesse ano foram produzidas somente 55 unidades dessa Ferrari, o que a torna ainda mais exclusiva que a própria 512 BBi de 1982!
Ao contrário da 512 BB, que utiliza 4 carburadores Weber 40, a 512 BBi tem um sistema bem mais moderno, com injeção eletrônica K-Jetronic da Bosch e um sistema Digiplex de ignição. Na prática isso representa uma significativa modernização em relação à sua antecessora, com uma menor emissão de poluentes e uma maior garantia de desempenho, no geral.

@velozes_antigosbr - Se Meu Carro Falasse - 512 BBi Motor
A fala do dono da outra 512 BBi das fotos exemplifica bem o avanço desse modelo: “Eu gosto bastante de carburadores, mas a injeção eletrônica é muito prática!” O motor com 12 cilindros opostos horizontalmente tem a vantagem de ser mais compacto e proporcionar um ponto favorável no quesito design, fato que foi elogiado por Sergio Pininfarina, do famoso estúdio italiano que leva o seu nome.
Outras melhorias em relação à 512 BB são as luzes de neblina, novo sistema de escapamento e rodas diferentes. E o trabalho nos escapamentos foi muito bem feito, visto o susto que eu tomei quando escutei ela dando uma acelerada na estrada!

@velozes_antigosbr - Se Meu Carro Falasse - 512 BBi Interior
Um grande clássico internacional como esse, com mais de 30 anos de fabricação e a logo do Cavallino Rampante na dianteira pode ser tratado como um investimento bem interessante, uma vez que a tendência de valorização com o passar do tempo é praticamente certa. Afinal, atualmente não é difícil ver uma Ferrari com algumas décadas de fabricação ter 6 dígitos na etiqueta de preço (em dólares) e isso não se aplica somente às que possuem um histórico de vitórias nas pistas. A taxa de valorização é maior que a “taxa de ferrugem” nesse caso.
As duas 512 BBi que flagramos estão com placa preta, apresentam uma conservação impressionante e chamam muita atenção pelo design e pelo belo ronco do motor de mais de 300 cavalos. Além disso, elas representam bem a proposta do Velozes e Antigos BR (@velozes_antigosbr – Instagram): compartilhar fotos e histórias de carros velozes, antigos e clássicos! Meus parabéns aos engenheiros de Maranello!

@velozes_antigosbr - Se Meu Carro Falasse - 512 BBi Opala e Ferrari
Ficha técnica – Ferrari 512 BBi:
Motor: traseiro | boxer -> 12 cilindros opostos a 180° | 5.0 litros | duplo comando de válvulas no cabeçote | injeção eletrônica Bosch K-Jetronic.
Potência: 340 hp a 6000 rpm.
Torque: 46 kgfm a 4200 rpm.\Câmbio: manual de 5 velocidades.
Velocidade máxima: 280 km/h.
0 a 100 km/h: 5,6 s.
0 a 400 m. (quarto de milha): 14,2 s.
Dimensões: Comprimento -> 4399 mm | Largura -> 1829 mm | Entre-eixos -> 2499 mm | Altura -> 1120 mm.
Peso: 1400 kg.
Suspensão: tipo A, com molas helicoidais duplas e barras estabilizadora.
Pneus: Dianteiros -> 180 mm | Traseiros – 210 mm.

 

 
Divisória Simples
Veja Também

 Deixe um Comentário

Para deixar seu comentário, se não estiver logado, registre nome e e-mail.
Não existem comentários ainda. Seja o primeiro a comentar.
Confira Mais Notícias